Conheça o pneu Michelin

Ao primeiro olhar, o pneu parece apenas um pedaço maçico de borracha. Porém, logo abaixo da lona existem diversas estruturas e materiais que foram amplamente pesquisados e planejados em laboratório.

Toda essa tecnologia não é por acaso. Ela é essencial para fornecer a segurança e eficiência de seu veículo. Cada centímetro do pneu é meticulosamente produzido para oferecer flexibilidade e durabilidade, além de garantir a aderência correta ao solo e muito mais.

Conheça o pneu Michelin por dentro

1
. Uma camada hermética de borracha sintética, que deu lugar à antiga câmara interna do pneu. Dica: lembre-se que é importante calibrar
seus pneus no mínimo a cada 15 dias e antes de longas viagens, uma vez que pode ocorrer perda de pressão de tempos em tempos.

2. Feita de cabos finos de fibra têxtil, distribuídos em linhas retas e revestidos de borracha. Estes cabos são responsáveis por determinar a sustentação do pneu e ajudam a resistir impactos e pressão extra. Existem aproximadamente 1.400 cabos e cada consegue suportar uma força de até 15 kg.

3
. Esta é a área em que a borracha se conecta à roda, importantíssima para manter a integridade do pneu durante a frenagem ou para resistir a força motriz provocada pela aceleração.

4
. Fio metálico responsável por conectar o pneu à roda com o máximo de precisão. Cada fio aguenta uma carga de até 1.800 kg sem risco de quebrar. Em cada pneu de carro há dois deles – ou seja: uma força capaz de aguentar até 14.400 kg. Vale lembrar que um carro médio pesa em torno de 1.500 kg.

5
. A borracha lateral é reforçada e protege o pneu de impactos contra a calçada, buracos no asfalto, entre outros. Elas também possuem marcações que informam sobre as características do pneu. Aqui se refere a marca do pneu.

6
. Esta é a área de revestimento, uma das maiores responsáveis pela força e durabilidade do pneu. É feita de cordas de aço conectadas à borracha. Isto significa que o pneu consegue resistir a grandes impactos e tensões sem sofrer danos. Além disto, é flexível o suficiente para absorver as deformações do solo causadas por buracos, lombadas entre outros.

7
. Camada que tem a importante função de reduzir o calor provocado pelo atrito e auxiliar a manter a forma do pneu quando o veículo está em alta velocidade. É reforçado com cordões de Nylon embutidos nas camadas de borracha ao longo de toda circunferência do pneu.

8. Esta é a area de contato direto com o solo. Ela foi desenvolvida para ser extremamente resistente contra impacto e possui tecnologia especial para aderir com precisão a todo tipo de superfície.